paixão da educação

a história de um lento regresso à escola, contada pelo 'próprio'

sexta-feira, setembro 23, 2005

Memória e Alzheimer

Estive na escola e voltarei lá dentro de pouco. Encontrei o computador com que trabalhei durante alguns anos; milhares de documentos de texto, milhares de fotos, trabalhos terminados, outros por terminar, projectos, etc. Ainda estava lá tudo, guardado naquela memória de elefante do Pentium. Apenas um sobressalto: os documentos em formato Word estão agora em WordPad, em Rich Text... mas creio que são inteiramente recuperáveis. Aquele computador é parte da minha memória e guarda centenas de horas de trabalho. Perdê-lo, perder aquelas imagens, aqueles textos e aqueles esboços, seria como assistir ao avanço da doença de Alzheimer.

Amanhã tentarei resgatar aquele material todo. Depois é o trabalho de retomar o fio da memória.

14 Comments:

Enviar um comentário

<< Home