paixão da educação

a história de um lento regresso à escola, contada pelo 'próprio'

quinta-feira, junho 16, 2005

A quadratura do círculo (e o sistema de ensino)



Jorge Coelho, esta noite, na quadratura do círculo, a propósito dos incidentes da praia de Carcavelos [cito de memória]: "Os incidentes revelam o verdadeiro falhanço do sistema de ensino!"

Só? E as políticas urbanas? E a concepção das áreas metropolitanas como territórios problemáticos, merecedores de acção prioritária? E as políticas de segurança, de emprego, de habitação... Quem falhou primeiro?

Pacheco Pereira, no mesmo programa, referindo-se ao mesmo episódio [cito de memória]: "Este incidente da praia de Carcavelos traduz um falhanço completo da comunicação social. Eu não sei o que verdadeiramente se passou lá!"

Completamente de acordo. As projecções fantásticas (ouvi até falar em 2000 pessoas) que apontaram generalizadamente para 500 delinquentes, numa acção aparentemente concertada, de varrimento da praia e de saque sistemático - que sabemos hoje não chegou a acontecer nestes termos - mostram que a comunicação social cita números desta grandeza humana sem confirmar os factos, sem antecipar as consequências de um erro de escala, sem conseguir, afinal, esclarecer de forma verosímil os acontecimentos que tiveram lugar com grande número de testemunhas.

Eu também não sei o que aconteceu: agora presumo, pelas correcções sucessivas que foram feitas, que o número de pessoas directamente envolvidas nos roubos da praia (esta será a expressão adequada) não foi superior a 70, que outras se juntaram às pimeiras, num segundo momento, como manobra de diversão, que muitos dos que participaram seriam utilizadores regulares da praia... mas não sei se pertencem exclusivamente a um bairro de Lisboa, de que idades eram os delinquentes envolvidos, que tipo de organização e de estruturação de grupo se pode presumir dos acontecimentos, quantas queixas de roubo foram feitas à polícia na sequência dos acontecimentos. Falta aquilo que se costuma chamar o "filme dos acontecimetos"; mas falta muito mais, falta conhecer o argumento. E nem o menor número de envolvidos nos roubos, que situa o ocorrido numa escala diferente e de menor gravidade objectiva, deve deixar de nos preocupar. A escola também está envolvida nisto, mas não estará certamente isolada...