paixão da educação

a história de um lento regresso à escola, contada pelo 'próprio'

sábado, outubro 23, 2004

"Mas um velho, de aspeito venerando..."

De acordo com o Expresso de hoje, sábado, a figura lendária do velho do Restelo, que aparece no canto IV dos Lusíadas... desapareceu dos manuais de Português do 9º ano de escolaridade. A professora Maria do Carmo Vieira, ainda de acordo com esta notícia, acusa as editoras e os autores dos programas que "querem apagar o espírito crítico de professores e alunos", desprezando a literatura no ensino. Segundo a professora, que no ano passado denunciou a presença, num manual de Português, do regulamento do Big Brother, acusa os novos projectos curriculares de falta de sentido e de mediocridade.

***
Antes que a figura amarga e lúcida do velho do Restelo seja definitivamente esquecida pela geração dos autores dos manuais de Língua Portuguesa, e substituída pelas indómitas personagens da Quinta das Celebridades, deixo aqui duas estrofes do canto IV (94 e 95):

"Mas um velho, de aspeito venerando,
Que ficava nas praias, entre a gente,
Postos em nós os olhos, meneando
Três vezes a cabeça, descontente,
A voz pesada um pouco alevantando,
Que nós no mar ouvimos claramente,
Cum saber só de experiência feito,
Tais palavras tirou do experto peito:

"Ó glória de mandar, ó vã cobiça
Desta vaidade, a quem chamamos Fama!
Ó fraudulento gosto, que se atiça
Cua aura popular, que honra se chama!
Que castigo tamanho e que justiça
Fazes no peito vão que muito te ama!
Que mortes, que perigos, que tormentas,
Que crueldades neles experimentas!"

1 Comments:

Enviar um comentário

<< Home